Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Inês Saldanha

- este blog é uma tentativa de retomar a escrita que havia, outrora, sido esquecida -

Inês Saldanha

- este blog é uma tentativa de retomar a escrita que havia, outrora, sido esquecida -

Lojas Vintage no Porto

28.02.22 | Inês Saldanha

pexels-cottonbro-6068960.jpg

 

As lojas em segunda mão são um verdadeiro paraíso para os amantes de roupa e acessórios vintage. Encontramos peças de todas as cores e feitios, verdadeiras relíquias que sobreviveram a décadas e décadas.

Além de que, ao comprarmos nestas lojas, estamos a praticar uma conduta mais sustentável e bastante benéfica para a nossa carteira.

Destaquei 5 lojas vintage no Porto que acredito serem merecedoras de uma visita.

 

pexels-liza-summer-6347546.jpg

 

  1. HUMANA

Participa em diversos programas de sensibilização social e conta com 5 lojas na cidade do Porto e 11 em Lisboa. Com uma enorme diversidade de artigos para todos os estilos e idades, esta organização disponibiliza 950 contentores espalhados pelo país onde podemos doar aquelas peças de roupa que já não usamos.

humana.png

 

  1. Retro City Porto

Vestidos dos anos 50, casacos icónicos dos anos 80, camisolas da NBA, aqui encontramos um pouco de tudo. Uma loja cheia de estilo e inspiração.

retro city.png

 

  1. O’Kilo

Uma loja de roupa em segunda mão onde se compra O’Kilo. Dois pisos com roupa para qualquer género e faixa etária. Situada no coração da cidade do Porto merece uma visita.

okilo.png

 

  1. Mão Esquerda

Peças cheias de classe e requinte, uma das minhas lojas vintage preferidas. Desde elementos de luxo até verdadeiros achados. Camisas, blusões, carteiras, ... difícil vai ser escolher.

mao esquerda.png

 

  1. Cet Objet du Désir

Embora já não tenha presença física, continuamos a poder adquirir as suas peças através da conta de Instagram ou do site da loja com possibilidade de entrega em mãos ou por via CTT.

Nesta loja vintage vale tudo, desde as fitas com penas e brilhantes dos loucos anos 20 até ao blusão rock & roll dos anos 80.

cetobjetdudesir.png

 

Espero que tenham gostado deste artigo e digam-me nos comentários se também são fãs das lojas vintage.

Inês 🤍

 

Moda e Sustentabilidade

Como ter um guarda-roupa sustentável?

21.02.22 | Inês Saldanha

moda.png

Certamente, muito de nós, já ouvimos o termo "sustentabilidade" e não há nada mais trend, neste momento, do que ter um comportamento que seja amigo do ambiente.

Mas afinal o que é a moda sustentável?

Este conceito define o processo de criação de roupas e acessórios que não prejudique o ecossistema, desde a reutilização de materiais até ao uso de fibras naturais. O segredo passa por criar produtos que durem mais tempo e acabar com muito do desperdício que se cria à volta desta indústria.

Embora já existam diversas marcas a criar linhas mais ecológicas, nós todos podemos adaptar certos hábitos que, a longo prazo, se tornarão bastante valiosos, não só para o ambiente, como também para a nossa carteira.

pexels-ike-louie-natividad-3229334.jpg

Seguem-se 5 dicas para adotarem uma conduta mais sustentável em relação ao vosso guarda-roupa.

 

  1. Qualidade VS quantidade

Quantas vezes já deste por ti desesperada sem saber o que vestir diante de um armário atulhado de roupa?  Eu respondo, DE-MA-SIA-DAS! Este acredito, ser o problema de muitas de nós, incluindo-me a mim própria na equação. 

Opta por comprar peças que realmente te assentem bem, que sejam de boa qualidade e que, por consequência, durem uma vida. De nada, serve comprar muito, se depois nada daquilo te será útil no dia-a-dia. Compra de uma forma consciente.

 

  1. Lojas de roupa em segunda mão

Alguma vez entraste numa loja de roupa em segunda mão? Decerto que te surpreenderia.

Grande parte das marcas que todos nós consumimos estão nestas lojas, porém a preços muito mais baixos. Para quem adora uma vibe mais vintage, estas lojas, são um autêntico paraíso dos bons achados e ao comprares nas mesmas, estás a dar uma segunda vida às roupas e a poupar imenso.

 

  1. Investe em acessórios

Num armário sustentável, as peças tendem a ser mais sóbrias para se conjugarem facilmente entre si. Ao investires em bons acessórios conseguirás dar aquele je ne sais quoi ao teu estilo e transformar qualquer outfit para qualquer ocasião.

 

  1. Organiza o teu armário

Eu bem sei o quanto "doí" nos desapegarmos da roupa. Estamos sempre a questionar: “mas e se eu precisar...”. Bom, a mais cruel das verdades é que: não vais precisar. A verdade é que aquele vestido que, ganha pó no fundo do teu armário há mais de dois anos, já nem sequer se adequa ao teu estilo.

Desapega-te das coisas que não usas mais e sentirás, dentro de ti, uma epifania repleta de calma e serenidade, confia em mim.

 

  1. Compra marcas sustentáveis

Hoje em dia, como referi anteriormente, não faltam marcas a adotar esta conduta e é muito mais fácil encontrares roupa com que te identifiques e que não deixe um rasto de problemas ao ser produzida. 

 

pexels-ron-lach-9770971.jpg

 

Tudo isto são dicas e, claro, que não temos que ser extremistas em relação às mesmas.

Permite-te experimentar alguns hábitos e, percebe até que ponto estes são benéficos para ti.

A chave é tentar sempre evoluir e ser melhor.

Espero que tenham gostado deste artigo e se souberem de mais dicas, digam-me nos comentários.

Inês 🤍

 

Como ler mais?

5 dicas para criar hábitos de leitura

14.02.22 | Inês Saldanha

books__.png

 

Ler é um dos meus hobbies preferidos e sinto que me ajuda imenso a desconectar do mundo tecnológico e extremamente rápido em que todos vivemos.

Ainda em adolescente, era uma leitora assídua, facilmente, me perdia na história de um bom livro, no entanto, com o passar dos anos, os meus hábitos de leitura foram diminuindo até chegarem ao ponto de serem nulos.

Há cerca de dois anos, decidi recomeçar a ler e neste artigo descrevo algumas dicas que me ajudaram a retomar um bom velho hábito.

 

  1. Lê o que realmente gostas

De nada serve, leres um livro só porque toda a gente fala bem ou porque este é considerado um clássico da literatura. Qualquer hobby deve te proporcionar prazer, caso não o faça, de nada te valerá. Escolhe livros com que te identifiques, assim a probabilidade de os terminares é, obviamente, muito maior.

 

  1. Duas é maior do que zero

Começar um novo hábito não é fácil, seja ele qual for. Ao estabeleceres, desde início, grandes metas, irás desanimar e a possibilidade de não conseguires ser bem-sucedido é enorme. Estipula na tua rotina ler no mínimo duas páginas, pode parecer pouco, mas se, normalmente, não lês nenhuma, acredita que duas já é muito bom e, uma coisa te garanto, se todos os dias o fizeres, acabaras, certamente, o teu livro.

 

  1. Torna o teu livro no teu melhor amigo

Leva o teu livro para todo o lado, não importa onde fores, leva-o contigo.

Imagina que estás à espera de uma consulta, ou que estás aborrecido na tua hora de almoço, podes sempre arrancar o teu livro da bolsa e lê-lo. Uma vez ouvi que, para tornar algo num hábito, devemos primeiro o tornar acessível e propenso ao nosso dia-a-dia, acredita que resulta.

 

  1. Deixar um livro a meio não é penalizado por lei

O que aconteceria ao mundo se deixasses aquele livro que tanto te aborrece a meio? N-A-D-A. Absolutamente nada. Como já referi, a leitura é um hobby que tem como finalidade entreter. Se não estás a gostar de determinado livro, escolhe outro. Não deixes que uma má experiência corrompa algo que pode ser tão prazeroso.

 

  1. Estabelece metas

No ano passado, após ter retomado os meus hábitos de leitura, comprometi-me comigo própria a ler 12 livros. Falhei, sim falhei, li onze que, para quem não lê é ótimo, porém fiquem aquém do meu desafio. Iria eu culpar-me por isso? Claro que não, até podia ter lido apenas três, ou um, que já seria melhor do que nenhum.

Contudo, este ano, impus-me ler outra vez os doze e estou resiliente em cumprir o meu objetivo. Estabelece ler x livros, mas sê realista para não te desencorajares. Caso leias mais, melhor. Por outro lado, se leres menos, não tem mal, para o ano há mais. Não sejas demasiado duro contigo próprio, todos somos diferentes e volto a repetir: ler deve ser divertido, o contrário, só te trará dissabores.

 

Espero que este artigo vos seja útil e boas leituras!

Inês 🤍

Estilo Romântico

07.02.22 | Inês Saldanha

pexels-jasmin-chew-5411883.jpg

 

O estilo romântico é conhecido pela sua feminilidade, elegância e fluidez.

As cores devem ser suaves e em tons pastel, as estampas também são permitidas, principalmente, a floral.

 

estilo romantico_1.png

estilo romantico_2.png

estilo romantico_3.png

 

Se noutra época, este estilo era reconhecido pelas saias e pelos vestidos, hoje em dia, o romântico juntou-se ao contemporâneo e converteu certas peças, como é o exemplo das calças, preferencialmente de cinta subida, e das camisas.

Mangas volumosas, rendas, diversas texturas são os essenciais num armário inspirado pelo estilo romântico.

Investir em acessórios minimalistas e calçado moderno é o segredo para compor propostas românticas, porém equilibradas e atemporais.

 

estilo romantico_4.png

estilo romantico_5.png

estilo romantico_6.png

estilo romantico_7.png

 

Vocês gostam deste estilo?

Inês 🤍